A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 19 de Agosto de 2018

24/08/2016 10:37

Preso, suspeito de traficar droga sintética frequentava baladas vips

Viviane Oliveira e Helio de Freitas, de Dourados
Rodrigo Leon foi preso nesta manhã com drogas sintéticas. (Foto: reprodução/Facebook) Rodrigo Leon foi preso nesta manhã com drogas sintéticas. (Foto: reprodução/Facebook)
Objetos apreendidos com Rodrigo. (Foto: Sidney Bronka/94 FM)Objetos apreendidos com Rodrigo. (Foto: Sidney Bronka/94 FM)

Foi identificado como Rodrigo Leon Mamede Miranda, 28 anos, um dos presos na manhã desta quarta-feira (24), em Dourados, distante 233 quilômetros de Campo Grande. Ele foi detido durante a Operação Reflexo, desencadeada pela Polícia Civil do Rio Grande do Sul. 

Rodrigo foi preso em casa, na Rua Izzat Bussuan, na Vila Progresso, área nobre da cidade. No imóvel dele, a polícia encontrou 16 comprimidos de ecstasy e uma porção de MD – drogas sintéticas. A prisão foi realizada por policiais do Rio Grande do Sul com apoio do SIG (Serviço de Investigações Gerais).

Segundo a polícia, Rodrigo participava de festas eletrônicas e tinha contato com pessoas da elite, que compravam a droga dele. O rapaz teve a prisão temporária decretada pela Justiça, mas foi autuado em flagrante por tráfico de drogas.

O outro suspeito preso em Dourados não teve o nome divulgado. Os mandados também são cumpridos em Ponta Porã.

As principais drogas comercializadas pelo grupo eram LSD, ecstasy, MDMA, skank, anfetaminas e quetaminas. “Mato Grosso do Sul, um dos pontos fortes de apoio da quadrilha, tinha participação fundamental por causa da rota”, explica o delegado Mario Souza, chefe do Denarc (Departamento Estadual do Narcotráfico). A Polícia gaúcha também cumpre mandados em 15 cidades do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Goiás. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions