ACOMPANHE-NOS    
MARÇO, DOMINGO  29    CAMPO GRANDE 24º

De olho na TV

Presidente faz a ‘alegria’ da pauta de rádio e tv

Por Reinaldo Rosa | 19/02/2020 14:41

OLHA O QUE ELE FEZ – Informativo da Capital FM desta quarta-feira mostra que a caravana de defensores da estrema direita não dormem de toca. Comentário de Bem Hur Ferreira sobre manifestação chula do amado ídolo dos extremos teve reprovação intestinal por parte dos integrantes do exército de brancaleone.

BEM ASSIM – A jornalista Carmen Cestari comentou, no ‘Tribuna Livre’, da Capital FM, sobre regra do presidente do Senado que estende os planos de saúde para filhos e agregados familiares até os 33 anos. Ex-senadores têm o mesmo benefício de forma vitalícia.

AVE RUI – Cestari pegou na veia ao ler matéria jornalística que causava náuseas aos ouvintes. Levou ao ar a preconização de Rui Barbosa de “ter vergonha de ser brasileiro”.

AH! O IMPROVISO - Radialista Joel Silva, no ‘Acorda Campo Grande’ da Globo FM/Campo Grande, comentou sobre pedido de desculpas de Galvão Bueno a uma colega de rede. Joel pôs fim à nota perguntando “quem não gostaria de levar um pau de Galvão Bueno”? Cortina, rápido.

DO ALÉM – Quebrando o ritmo da atração matinal da Globo FM/Campo Grande, é aberto espaço para a ‘Agência Rádio Dois’ –de lugar incerto e não sabido-. Anestesiada ‘correspondente’ reverbera fala de nutricionista sobre cuidados para evitar osteoporose.

DO ALÉM 2 – A profissional da nutrição receita “um café à base de cereais; queijos frescos-e outros tipos de grãos-“. De onde se conclui que reles representantes da base da pirâmide social estão condenados ao enterro dos ossos.

A CESAR – Sucesso na Capital FM, a contação de piada por parte de João Madureira é algo importado do programa de Sérgio Cruz na Educativa FM 104, durante o governo Zeca. Responsável pela pauta policial da atração, o companheiro Grilo sempre tinha a piada do dia.

NÃO ADIANTA – Redes de emissoras de TV fiéis aos desejos e patacoadas do governo central vão conseguir o que querem –como forma de sair do buraco financeiro-. O assalto aos bolsos de espectadores de baixo esclarecimento e viciados em jogo voltará ao ar.

MOEDA DE TROCA – O apoio do SBT, Rede TV, Record e Band ao titular da Secretaria de Comunicação teria de ser ressarcido de alguma forma. Incompatibilidade de interesses –mesmo escancarada- foi tratada com leveza pelo citado quarteto de comunicação.

R.V.S.P. – Em entrevista ao ‘The Night’, no SBT, o jornalista Alexandre Garcia tratou com desdém a informação de que teria cargo na comunicação do governo federal. Garantia que não. Nesta terça-feira participou “no Palácio do Planalto”, como afirmou, das solenidades de posse de auxiliares federais. Seriedade de ‘jornalista independente’ é isso aí.

O FURO DE BOLSONARO – Declaração de cunho sexual contra jornalista da Folha de São Paulo por parte de Bolsonaro mostra uma realidade bem verde oliva. Cada país tem o presidente que merece. E ele colocou o furo à prova.