ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, DOMINGO  20    CAMPO GRANDE 24º

Jogo Aberto

Chipa e café na estrada 'adoçam' recado de Reinaldo

Por Nyelder Rodrigues, Paula Maciulevicius e Gabriela Couto | 08/06/2021 06:00
Governador apreciando uma das principais iguarias paraguaias na culinária sul-mato-grossense: a chipa! (Foto: Divulgação)
Governador apreciando uma das principais iguarias paraguaias na culinária sul-mato-grossense: a chipa! (Foto: Divulgação)

Simpático - Durante a autorização de obras de pavimentação e readequação na MS-162 e na MS-258 em Sidrolândia, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) aproveitou para tomar um cafezinho bem brasileiro logo pela manhã.

Recado - Nas redes sociais ele postou: "Hoje no Capão Seco, em Sidrolândia, lanchamos na banca da Sueli. Chipa da boa! (só tirei a máscara pra tomar o café e experimentar a chipa)". Recado dado, à moda paraguaia.

Empreendimento - Na oportunidade, o governador também aproveitou para anunciar uma agenda importante que fará no dia 15 de junho. Azambuja irá ao sul do País, visitando Chapecó (SC) e Porto Alegre (RS) para tentar trazer para cá unidade da indústria Aurora.

Só a morte - Em reta final, a campanha eleitoral suplementar para prefeito em Sidrolândia sofreu um baque com a morte do candidato a vice Moacyr de Almeida (Patri), que fez o que nenhuma outra situação conseguiu: suspender as atividades.

Luto - Tanto Enelvo Felini (PSDB), de quem Moacyr era vice, quanto a adversária Vanda Camilo (PP), deixaram de realizar os atos de campanha ontem (7) em razão da notícia por falecimento do candidato, que ficou quase três meses internado por covid-19.

É do jogo - No feriado prolongado de Corpus Christi, apesar da bandeira vermelha do Prosseguir no município, ações mais rígidas foram deixadas de lado e as ações políticas ocorreram normalmente, diferente do que várias outras cidades próximas fizeram.

Brecha - No comunicado sobre a imunização das lactantes, a Prefeitura deu espaço para muitas mães de crianças de 2 anos irem tomar a vacina sem necessariamente estarem amamentando. Sem precisar comprovar a amamentação, as mulheres acima de 30 anos e com filhos de até 2 foram em peso ao Guanandizão ontem.

Solidariedade - "Quando uma mãe perde um filho, todas perdem um pouco também". Quem acompanhou as redes sociais neste final de semana viu a quantidade de compartilhamentos com a frase. A solidariedade foi direcionada à médica pediatra Kamila Moussa, que perdeu o filho Matheus no acidente de carro em Corumbá.

Recado da assessoria - No sábado mesmo, a pediatra e mãe da criança tinha uma live marcada, mas a assessoria tratou de tomar à frente das redes sociais e dizer que a live estava desmarcada depois do trágico acidente. Com fundo preto, a assessoria informou ainda por stories que a médica e mãe estava impossibilitada de responder a todas as mensagens, mas que agradecia as orações.

Repost - No perfil do Instagram da médica, todos os stories que tinham o nome de @Kamoussa foram repostados pela assessoria que ainda afirmou que a pedido de Kamila, estavam salvando todas as mensagens para que ela pudesse ler depois. A solidariedade veio de colegas médicos, mães e até quem não conhecia Kamila, mas passou a segui-la nas redes depois do acontecido.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário