A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Agosto de 2017

28/05/2014 08:00

Em Brasília, Olarte busca repasse para Santa Casa e continuidade de hospital

Kleber Clajus
Encontro ocorre um dia antes da visita do ministro a Capital(Foto: Marcos Ermínio / Arquivo)Encontro ocorre um dia antes da visita do ministro a Capital(Foto: Marcos Ermínio / Arquivo)

O prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP), realiza agenda no Ministério da Saúde, nesta quarta-feira (28), em Brasília (DF). Ele deve se reunir com o ministro Arthur Chioro para negociar aumento do repasse de recursos para a Santa Casa e a continuidade das obras do Hospital do Trauma.

O encontro ocorre um dia antes da visita do ministro a Capital, confirmada por Olarte, para sexta-feira (30).

Ela também faz parte de uma “força-tarefa”, composta pelo município e Estado, com o objetivo de equilibrar a situação financeira do hospital, que hoje soma déficit de R$ 4,4 milhões por mês. No acumulado, a Santa Casa deve R$ 45 milhões em impostos federais, sendo a dívida total de R$ 120 milhões.

O presidente da Santa Casa, Wilson Teslenco, reforçou que a instituição precisa estar com finanças equilibradas até junho, quando termina o prazo para as instituições hospitalares filantrópicas aderirem a programa do Ministério da Saúde que garante anistia dos impostos em atraso. A quitação é necessária para que empréstimo de R$ 25 milhões, junto a Caixa Econômica Federal, seja liberado.

Obras paralisada - Quanto as obras do Hospital do Trauma, paralisadas há um ano e seis meses, a readequação de projeto e balanço do já foi investido são exigência do Ministério da Saúde para que a obra possa ser retomada.

A construção do Hospital de Trauma começou em 2010 e já recebeu recebeu R$ 9.506.85,79. Deste total, R$ 1.199.455,88 foram pagos para a Realce entre 2002 e 2004 e R$ 5.293.662,35 para a Coletto, de 2010 a maio de 2013.

O prédio anexo da Santa Casa de Campo Grande terá 141 leitos, sendo 110 de internação, 18 de observação do tratamento intensivo, dez de CTI (Centro de Tratamento Intensivo), três de isolamento e cinco salas de cirurgia.

Câmara adia de novo votação da PEC que cria distritão e fundo eleitoral
Após várias tentativas de votação nesta terça-feira (22), a análise da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 77/03, que altera o sistema político-e...
Câmara aprova parcelamento de dívidas de Estados e municípios com o INSS
A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta terça-feira, 22, em plenário, a medida provisória 778/2017, que permite Estados e municípios parcelarem...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions