A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

22/06/2015 12:46

Professores não aceitam documento de negociação de Olarte

Juliana Brum
Professores não aceitam a carta de Olarte que pedia prazo de negociação do piso em setembro
( Foto - Marcos Ermínio) Professores não aceitam a carta de Olarte que pedia prazo de negociação do piso em setembro ( Foto - Marcos Ermínio)

Os professores em greve da rede municipal há vinte e sete dias não aceitaram a carta assinada pelo prefeito Gilmar Olarte (PP) que pedia para negociar o reajuste salarial em setembro entregue pelo presidente da Câmara Municipal, Mario César na tarde da última sexta-feira (19) durante uma assembleia na sede da ACP (Sindicato Campo-grandense dos Profissionais da Educação).

Segundo o presidente do Sindicato, Geraldo Gonçalves declarou que a categoria não aceitou porque não apresentava nenhuma garantia que seria cumprida a lei municipal 5.411/14 e lei federal 11.738/08 que estabelecem a aplicação da correção anual do piso nacional ao piso dos professores municipais.

"Não aceitaremos um reajuste, queremos o pagamento dos 13%. Chegamos a propor que dividissem em 10 parcelas o valor do piso nacional de 13%, mas não tivemos resposta" declarou Gonçalves.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions