A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 23 de Junho de 2017

18/04/2014 07:31

Jovem de 22 anos morre ao colidir moto com árvore no Monte Castelo

Viviane Oliveira e Aliny Mary Dias
O motociclista morreu no local do acidente. (Foto: Simão Nogueira) O motociclista morreu no local do acidente. (Foto: Simão Nogueira)

O motociclista Rafael Caldeira, 22 anos, morreu ao colidir a moto que conduzia por em uma árvore por volta das 5h da manha desta sexta-feira (18), na Rua do Rosário com a Doutor Meireles, no bairro Monte Castelo, em Campo Grande.

De acordo com a Polícia de Trânsito, a vítima pilotava um moto Honda 150, de cor vermelha, pela Rua do Rosário, quando perdeu o controle depois de fazer uma curva e bateu em uma árvore.

O rapaz chegou a ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros e Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência), mas não resistiu aos ferimentos e morreu ainda na viatura de socorro.

Conforme o BPTran (Batalhão de Polícia de Trânsito), nas últimas 24h, das 8h de ontem às 8h de hoje, foram 22 acidentes de trânsito, sendo 17 com vítimas e um com morte.




Se tivesse correndo em velocidade compatível com o lugar estaria vivo. Esse é um dos sérios problemas dos motoqueiros e de parte dos motoristas, querem andar igual a doido na cidade, sem respeitar as regras do trânsito. Querem apenas chegarem, não importando como se conduzem no tráfego, e o resultado é esse aí, infelizmente. A frequência de mortes em Campo Grande, vai dos 16 a 25 anos. É uma rapaziada sem nenhuma responsabilidade atrás de um volante, para piorar,bêbados, sem CNH ou com CNH mas bêbados que não faz nenhuma diferença e os motoqueiros malucos por toda parte da cidade. Faço ressalva a motociclistas (aquele indivíduo responsável) trabalhador que usa desse meio de transporte para trabalhar.O resto é uma molecada irresponsável procurando se matar e tirar a vida de outras pessoas.
 
JOÃO ALVES DE SOUZA em 18/04/2014 19:37:50
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions