A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

27/01/2012 16:37

Casal briga e deixa criança de um ano trancada em casa e bebê com vizinha

Jeozadaque Garcia

De acordo com uma vizinha, pai saiu esta madrugada para trabalhar e não retornou

Aposentada deixou as crianças sob cuidados do Conselho Tutelar. (Foto: Jeozadaque Garcia)Aposentada deixou as crianças sob cuidados do Conselho Tutelar. (Foto: Jeozadaque Garcia)

Uma menina de um ano e dois meses foi encontrada trancada e com fome dentro de casa na tarde desta sexta-feira (27) no Jardim Presidente, região norte de Campo Grande. A irmã da criança, um bebê de um mês, estava aos cuidados da vizinha, a aposentada Hortalina Maria de Paula, que ouviu o choro da menina e acionou a Polícia Militar.

Segundo ela, os pais das crianças brigaram na noite de ontem e a mulher saiu de casa, deixando os dois filhos. O pai, que trabalha na Ceasa (Central de Abastecimento), saiu esta madrugada e não havia retornado até a chegada da Polícia.

A vizinha, que cuidava da filha mais nova do casal,de apenas um mês, ouviu a criança chorando por volta das 10h e acionou a PM. Os militares arrombaram a porta e encontraram a menina sozinha e chorando.

“Eu sempre cuido da mais nova pra eles”, conta Hortalina, que não sabe o nome do casal. Ela disse que ontem a noite estava com as duas crianças em sua casa, porém, a mãe buscou umas delas e deixou a mais nova sob seus cuidados.

“É a primeira vez que isso acontece, mas eles brigam sempre”, relata.

Os pais ainda não foram identificados. As crianças foram levadas por policiais da base comunitária do Nova Lima até o Conselho Tutelar da área norte.

Segundo a conselheira Miriam Góes Falcão, assim que os pais forem localizados, serão ouvidos e advertidos. Se eles não aparecerem ainda nesta sexta-feira, as crianças serão levadas até um abrigo.

Guarda oferece palestra sobre prevenção e combate às drogas em Uneis
Jovens da Unei (Unidades Educacional de Internação) Dom Bosco e da Unidade de Internação Feminina Estrela do Amanhã, em Campo Grande, receberam pales...
Cadastramento biométrico é oferecido pela Carreta da Justiça em Anhanduí
Desde o início desta semana a Carreta da Justiça está realizando atendimentos da biometria no distrito de Anhanduí, no município de Campo Grande, gra...


Fiquei indignada com a atitude dessa mulher, qual não merece ser chamada de mãe. Inocentes abandonados, com fome, frio, pelos monstros que se dizem pais. .Graças a Deus que a senhora aposentada ouviu o choro da criança, e acinou a Policia. Que se faça Justiça, que percam o pátrio poder e que as crianças possam viver e ser felizes.
 
Débora Salina Duarte em 28/01/2012 01:30:09
seguindo o pensamento. "Dona Coisa" deveria em primeiro lugar, saber o nome dos pais da criança que ela tomava conta; e em segundo lugar, eu sei que há brigas frequentes, eu nao denuncio? existem duas crianças na casa, e eu as deixo lá?!, fico com a menor?
Alguem ja pensou no sentimento de uma criança ao ser levada para o conselho tutelar sem entender o que esta acontecendo?
Fraternidade irmaos!
 
dagmar marcondes em 27/01/2012 10:51:57
e seguindo meu pensamento: O marido necessita, e vai trabalhar. A mãe chama a criança maior para casa, deixa a menor com a vizinha (sequer se conhecem) éa dona coisa.
Ou a noticia nao está completa, ou está faltando bom senso, o efeito de uma criança ser levada pelo conselho tutelar é algo que precisa ser analisado.
 
dagmar marcondes em 27/01/2012 10:46:31
julgar, sempre é muito fácil.
a mãe sempre é a grande vilã da história, mas Deus do ceu!!! ninguem pára para pensar que uma vizinha, toma conta de um bebe, e nem sabe o nome dos pais da criança, mas sabe que as briga são frequentes, e nem denuncia, mas continua tomando conta do bebe, pq o maior ninguem quer, nem para tomar conta.
Eu pergunto: Algo de podre existe no ar?
 
dagmar marcondes em 27/01/2012 10:38:41
Isso é um absurdo, verdadeira falta de amor, não se faz isso nem com um animal, muito menos com uma criança que não tem culpa nenhuma da situação que os pais vivem!!
 
marcia amorim em 27/01/2012 06:54:51
Estes dois não merecem receber titulo de Pais, deveria existir uma lei neste País que pessoas que abandonassem seus filhos, não teriam mais o direito de te-los novamente. Pois hoje eles foram abandonados, amanha serão espancados e torturados, depois se tornam marginais, infelizmente este e o caminha da maioria destas crianças maltratadas pelos "Pais".
 
Roselene Guerreiro em 27/01/2012 05:42:04
Casalzinho irresponsável!! Esse povinho "na hora do bem bom" não se cuidam, depois jogam seus filhos aos cuidados de outras pessoas. Essas crianças se ficarem no abrigo - terão muito mais saúde, carinho e atenção do que com os pais.
 
Joanne Pereira em 27/01/2012 05:33:52
ISSO E UM ABSURDO ESSA MULHER NAO PODE SER CHAMADA DE MAE .
 
silvania de deus em 27/01/2012 05:11:21
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions