A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

11/08/2013 09:47

Homem perde o emprego e decide “morar” no canteiro da Afonso Pena

Mariana Lopes e Graziela Rezende
Felipe passou a noite ao relento, no canteiro da avenida Afonso Pena (Foto: Marcos Ermínio)Felipe passou a noite ao relento, no canteiro da avenida Afonso Pena (Foto: Marcos Ermínio)

Desempregado, sem dinheiro para pagar o aluguel e sem ter para aonde ir, Felipe Reis Galarza, de 57 anos, pegou os últimos reais que tinha na carteira e pagou um caminhão de frete para levar os móveis dele até o canteiro da avenida Afonso Pena, próximo ao Camelódromo, em Campo Grande.

A mudança ocorreu na noite de ontem, por volta das 19h30, e Felipe passou a noite e a madrugada ao relento, com a sensação térmica de 1ºC. “Não dormi com medo de alguém levar minhas coisas, e quando o frio apertava, eu começava a caminhar para esquentar”, conta o senhor.

No canteiro, geladeira, fogão, cama, espelho, televisão, mesa, caixas de papelão, entre outros móveis chamam a atenção de quem passa pela principal avenida da cidade. E esta é justamente a intenção de Felipe.

“Isso aqui é o início da delinquência, sei que não tem como obter as coisas de graça, mas estou desempregado e não tenho como me sustentar. Quero chamar a atenção das autoridades para a minha condição de vida, quero ter um emprego para poder pagar uma moradia com dignidade”, ressalta o novo morador da Afonso Pena.

(Foto: Marcos Ermínio)(Foto: Marcos Ermínio)

Felipe diz que trabalhava em uma empresa como serviços gerais e foi demitido recentemente. “Lá, o cartão de ponto era manual, e sempre que eu errava alguma coisa, era humilhado, daí quando venceu meu contrato, eles me mandaram embora”, explica. Desde que ficou desempregado, ele se manteve com o dinheiro do fundo de garantia, que acabou.

Antes de ir de mala e cuia para o canteiro, Felipe morava de aluguel em uma casa no bairro Dom Antônio Barbosa, região sul da Capital, onde pagava R$ 350. Com o passar do tempo, segundo o senhor, ele não tinha mais condições de pagar as contas e conversou com o dono do imóvel, que deixou que ele morasse na casa sem nenhum custo, com a condição de ele continuar a bancar as contas de água e luz.

Ainda assim, o dinheiro era curto e chegou ao momento que Felipe não tinha mais condições de bancar nem os gastos básicos da residência, mesmo morando sozinho.

Durante a madrugada deste domingo, Felipe afirma que algumas pessoas que passaram pelo local ficaram sensibilizadas com a situação dele e deram comida. Aparentemente desesperado, Felipe afirma que não tem para aonde ir, por isso, pretende ficar no canteiro até que alguém o ajude ou o obrigue a sair do local.

Dia dos Pais – Felipe lamenta por este ser o quinto Dia dos Pais que passa longe dos cinco filhos que tem. Ele conta que se separou deles e da esposa também por causa de problemas financeiros.

“Eu quero que eles vivam a vida deles, não quero atrapalhar nem a minha ex-mulher, sei que ela merece homem melhor do que eu”, desabafou Felipe, aos prantos.

Caso alguém queira ajudar Felipe, o telefone dele é o 9118-3610.

Durante discussão, adolescente de 17 anos é esfaqueado pelo amigo
Um jovem de 17 anos foi levado em estado grave para a Santa Casa após ser esfaqueado na noite deste sábado, na frente da casa em que mora no Bairro G...
Após furtar obra, ladrão é capturado por moradores e ferido a tiros
Marcio Estacio Duarte Teixeira, de 31 anos, foi socorrido a Santa Casa de Campo Grande após ser atingido por dois tiros na madrugada deste domingo (1...


Há um índice de desemprego no Brasil de 9%, porquê? Respondo, por pura culpa do desempregado que não quer nada. Não quer trabalhar, não quer estudar, não quer fazer curso, mas sabe reclamar do governo e do País.
 
luiz alves em 12/08/2013 10:59:28
Os fracos nunca vencerão e serão vencidos por eles mesmos. Se eu tenho saúde, corpo perfeito, tenho que lutar . Recentemente vimos uma reportagem de um senhor com 100 anos de idade lutando em um acampamento e queria trabalhar. Os mal agradecidos sempre estão reclamando de tudo. Quem luta vence de qualquer forma.
 
luiz alves em 12/08/2013 10:56:55
Quem pode julgar esse cidadão é o chefe de onde ele trabalhava antes,porque foi demitido? a quanto tempo trabalhava no local?porque ficou esse tempo todo vivendo do fundo de garantia?,entrou com pedido de auxilio desemprego?conheço um senhor que vive de limpeza de terrenos, o que esta gerando muitas multas em CG,ele não da conta de tantos que aparecem,e acampar na Afonso Pena não é a solução,acho que devemos esperar que as autoridades resolvam antes de falar mal.isso pode ser armada politica, de quem em vez de ajudar o rapaz,usou ele para atingir alguém.
 
Teresa Moura em 12/08/2013 09:44:13
O BRASIL INTEIRO ESTA CLAMANDO POR MÃO DE OBRA, SEJA ELA QUAL FOR, E O CIDADÃO DISSE QUE NÃO CONSEGUE EMPREGO! SOZINHO, SEM UM GATO PRA DAR COMIDA, NÃO CONSEGUE PAGAR CONTA DE ÁGUA E LUZ MESMO MORANDO SOZINHO. E AINDA TEM GENTE COM PENA DELE! AINDA TEM UNS QUE FALAM QUE É CULPA DO GOVERNO DO PT, COMO SE O ESTADO E A CIDADE DE CAMPO GRANDE NÃO SÃO GOVERNADAS PELO PT? E MAIS, SE O GOVERNO TIRAR DO IMPOSTO QUE PAGO COM MEU SUOR PRA SUSTENTAR UM CIDADÃO IMPRODUTIVO DESSE, AI É PRA CABAR! A IMPRENSA DEVERIA PESQUISAR OS EMPREGOS ANTERIORES DO CIDADÃO, ANTES DE PUBLICAR A MATÉRIA COM CUNHO SENTIMENTAL. QUEM TIVER DÓ DÊ UMA CASA PRA ELE, PAGUE AS CONTAS E LHE DÊ UM EMPREGO QUE NÃO PRECISE TRABALHAR. TA FÁCIL. QUEM PRECISA MESMO NÃO PEDE E NÃO TOMA ESSAS ATITUDES, TRABALHA E DEUS ABENÇOA!
 
vanderlei de jesus alves em 12/08/2013 09:39:49
Não podemos julgar ninguém, e tbm não devemos negar ajuda a ninguém, pq hj é ele que esta nessa situação, amanha pode ser qualquer um de nós.
Pq ninguém sabe o dia de amanha só DEUS mesmo é quem sabe, pra essas pessoas que fazem esses tipos de comentários do modo q ele tratou a família dele, o modo que ele cuidou
os filhos dele isso não veem ao caso em uma situação dessa, todos nos merecemos uma chance para melhorar de vida...
DEUS ira tocar no coração desses seres humanos, e que eles vão ajudar esse senhor pq quem gostaria de ver um pai nessa situação eu acho que ninguém né.
 
douglas augusto em 12/08/2013 09:25:16
as pessoas ficam doentes e não conseguem pensar direito, ele precisa de tratamento psicológico para reagir, infelizmente não é só ele que vive a merce é triste quem poderá ajudar
 
tadeu vilela em 12/08/2013 09:23:58
Enquanto um homem dorme ao relento por não ter uma casa a EMHA entrega casa a quem não precisa e permite que as casas fiquem fechadas por mais de 3 anos como é o caso de VÁRIAS casas no residencial GABURA que foi construído exatamente para pessoas de baixa renda e estão lá fechadas porque os PROPRIETÁRIOS, ou CONTEMPLADOS, estão esperando valorizar para vender. Vamos fiscalizar EMHA!!! Se vcs quiserem posso dar até o endereço de algumas e comprovante que seus proprietários moram em outros bairros de classe média alta.
 
sonia honorato em 12/08/2013 09:13:05
Emprego tem mesmo, mas se ele quer tirar umas férias e ficar na Afonso Pena, deixa ele, não tem a família que mora na calçada da santa casa? Tem que dar o mesmo direito à todos, pena que ele teve que fazer isso num dia e numa época onde a temperatura não ajuda, o frio tá castigando na madrugada...
 
MAXIMILIANO RODRIGO ANTONIO NAHAS em 12/08/2013 08:32:52
Sabe-se lá o que ele fez ou como tratou a família, agora acha que poder público tem que ajudar, bom se fosse assim, tão simples, mal sabe ele que o sol nasceu para todos porém a sombra é para quem a merece.
 
juraci montanha em 12/08/2013 08:23:34
CARA!! ISTO AGORA EH A NOVA MODA EM CG...
TB VOU FAZER ISTO P CONSEGUIR A MINHA CASA PRÓPRIA...
PORQUE SÓ QUEM FAZ ESTAS COISAS EH Q CONSEGUE ALGUMA COISA, NESTA CIDADE... PQ VC LIGA NA EHMA E AGEAH PRA PERGUNTAR DO SEU CADASTRO, AI ELES FALAM QUE TEM GENTE QUE PRECISA MAIS...
 
maria helena ferreira em 12/08/2013 08:08:23
Uma coisa eu digo, só não trabalha em Campo Grande quem não quer, emprego tem de sobra.
 
Leticia Diaz em 12/08/2013 07:47:59
Este é o governo duas caras do PT. Enganam os pobres com o bolsa esmola para se perpetuarem no poder. Não é sem motivo que a popularidade da presidente Dilma despencou vertiginosamente nos dois últimos meses caindo de 75% p/ 30%, se bem que na última averiguação subiu p/ 36%, porém entendo que esses 6% adicionado à última pesquisa está na margem de erro. A verdade é uma só, o Brasil está ficando pior de se viver.
 
ademir gomes em 12/08/2013 07:42:14
eu garanto se esse senhor começasse a fazer delitos,duvido,se já não estava na cadeia,pobre so e visto de duas maneiras errando ou sendo humilhado,poder publico,hema agehab,todos sao controlados pelos grandes ricos e magnatas,

e seu felipe infelizmente so hoje o senhor vai ser visto
 
kleiton souza em 12/08/2013 07:40:17
ta certo, o cidadão esta abandonado e por si só...
abandonado de esperança, de dignidade de amigos...
por si só, sem nenhum apoio...
mas com 57 anos ja pagou por uma vida...
impostos mascarados na energia elétrica,na água, nos trasportes da vida...
esse cara ja deu lucro ao leão, e se ficar doente, vai terminar de morrer no sus!!!
ta certo, quem vai querer um problema a mais na vida??? agora ele não esta produzindo...
ele pagou ele produziu ele faliu e ninguém mais quer saber!!!
ele fez isso para chamar a atenção e conseguiu;
dos hipócritas
dos não to nem ai
do poder publico falido
na verdade isso serve para nos que não temos coragem de sair de nossos esconderijo e colocar a cara a tapa!
mas ta tudo certo! Brasil!!!
 
vlademir sergio em 12/08/2013 07:34:16
Parabéns ao Campo Grande News pela publicação da matéria, o que normalmente não interessa para os meios de comunicação. Faço das palavras do Jota Vieira as minhas, notadamente quanto aos demagogos dos Direitos Humanos que só sabem defender bandidos.
 
Sebastião Dussel em 12/08/2013 06:54:01
esse é o cidadão comum, aquele que é afetado diretamente pelas poucas escolhas que teve na vida, mostra o que somos e aonde vivemos,por mais que tentamos imaginar um mundo melhor a realidade sempre nos mostra o chão!
 
givaldo valerio em 11/08/2013 23:07:10
ta na hora do população acorda por que nos brasileiros dar um basta nesta roubalheira descarada onde se viu um deputado estadual ou federal ganhar tanto beneficio disque esta trabalhando pela população mais nunca se vê na pratica... o BRASIL s rico em tudo só pegar o dinheiro que se gasta atoa só vai mudar a hora que a população for nova menti e determina um país melhor por que o dinheiro da população não é capim para se jogar no ralo acorda mato grosso do sul.
 
dejalma goulart em 11/08/2013 20:37:05
Fernando Leite Peralta, você diz : "só fica desempregado quem escolhe emprego". Pois é, você diz isso porque tenho certeza que está empregado, deixa você perde o emprego aí quero vê você dizer se isso é verdade. Conheço uma pessoa que dizia a mesma coisa e ficou desempregada e pra poder arrumar uma colocação no mercado não foi fácil. A mesma ficou quase dois anos desempregada. Emprego tem quando você está empregado, perdeu o seu e pra arrumar outro não é fácil não.
 
Carlos José em 11/08/2013 20:20:35
Se puderem entrar em contato com ele, na construtora da MRV perto da Mascarenhas de Moraes, estão precisando de gente, próximo q 14 de julho.
 
MARIVANE PINHEIRO CAVALCANTI em 11/08/2013 19:46:10
cade a família desse senhor, isso é responsabilidade da família ,não das autoridades,do senhor não saber segurar o seu emprego.
 
marconi ferreira pereira em 11/08/2013 19:44:54
CADE O PESSOAL DOS DIREITOS HUMANOS, DA SETTAS, ENTRE OUTRAS INSTITUIÇÕES QUE NÃO SAEM DA TELEVISÃO FAZENDO PROPAGANDA.....
 
everton cristaldo em 11/08/2013 19:35:40
E A EMPRESA QUE O DEMITIU, CADE ELA? ISSO NINGUÉM FALA. SÓ FALA DO PODER PÚBLICO. ACREDITO QUE O PODER PÚBLICO TEM SIM UMA PARCELA DE CULPA, MS IMAGINA SE TODAS AS PESSOAS QUE PASSAM POR ESSA SITUAÇÃO RESOLVESSEM MORAR NA RUA!! O QUE SERIA? MAS NÃO É CULPA SÓ DO PODER PÚBLICO, AFINAL OS ÓRGÃO PÚBLICOS NÃO PODEM DAR EMPREGO PARA TODOS. CADÊ OS EMPRESÁRIOS. ESSES QUE DESCEM A LENHA NO PODER PÚBLICO. VC QUE TEM UMA EMPRESA DÁ UM TRABALHO PRA ESSE SENHOR AO INVÉS DE FICAR DE BRAÇOS CRUZADOS FALANDO DO PODER PÚBLICO. É MUITO FÁCIL COLOCAR A CULPA NOS OUTROS!!!!!!
 
Milton Martins em 11/08/2013 19:27:22
Aqui no Brasil, se tu passou dos 40 anos,já preferem dar emprego para alguém mais novo, imagina este senhor com mais de 50 anos,quase 60. Tem muito serviço sim em campo grande,mas a descriminação por idade continua.
 
antonio costa em 11/08/2013 19:18:53
É muito comodo ficar falando do Poder Público; o sujeito abandonou a mulher com os filhos para que ela cuidasse, quando elefez os filhos não pensou, abandona e a mulher, graças a Deus, QUE tem hombridade cria os filhos; de novo o sujeito abandona a própria sorte e vai se encostar nos outros, essa historia de não ter serviço é MENTIRA, aposto que se encostou até onde deu na mãe dos filhos dele. Existem um monte de oportunidade de trabalho, de qualificação e requalificação por que ele não procura, o que ele quer é empurrar o problema dele para os OUTROS. Pois sempre vai ter uns e outros que vão defende-lo, coitadinho desse tipo, é igual onça e sogra, todo mundo defende mas ninguém leva pra casa.
 
jose de souza e souza em 11/08/2013 18:35:28
Fernanda Peralta, um dia vc vai chegar aos 57 anos, verás que suas forças acabaram, que "velhos" não entram mais no mercado de trabalho nenhum. Nunca diga o que é solução, sem sentir na pele a realidade de seu próximo Cadê o tal Minha Casa ???
 
Carlos Lamarca em 11/08/2013 18:00:42
Fico consternado com esse irmão, mas e os coitadinhos dos animais que as autoridades também não socorrem?

 
João Luiz em 11/08/2013 17:32:48
Sr. Fernando Leite Peralta, concordo em parte com o senhor, este tipo de comportamento, ai do cidadão em tela, é bem comum da dependência assistencialista que os políticos tentam implantar em nossa sociedade, ele por certo tem suas qualidades profissionais e se não as tem por certo pode desenvolve-las, mas, chega um bonitão de carro bacana e contando mundos e fundos, oferecendo coisas, ai o camarada vai pro abraço mesmo, vejamos os exemplos das várias formas de bolsa, bolsa isso, bolsa aquilo, a população de baixa renda e ninguém vai querer ralar tendo esse mínimo ao alcance, dai gera esse transtorno todo. Educação, precisamos de educação.
 
CLAUDIO MOREIRA em 11/08/2013 17:26:13
jota vieira falou pouco mas falou tudo, próximo de casa eu via as pessoas comprar casa de 110 mil e ainda ter que mexer na casa pois nem calçar o quintal eles calçam, só visam lucro ,
pegam aprendiz de pedreiro para fazer as casas eu vi aqui com meus próprios olhos
isso e um absurdo viu.
 
adriano xavier em 11/08/2013 16:19:49
TANTAS CASAS SENDO CONSTRUÍDAS,TANTAS CASAS POPULAR SENDO VENDIDAS POR PESSOAS QUE JÁ PEGARAM E ESTÃO SE DESFAZENDO E ESSE COITADO AI NA RUA,É UMA VERGONHA P/ O NOSSO ESTADO NOSSA CIDADE NOSSOS GOVERNANTES.NOSSO PREFEITO TEM A OBRIGAÇÃO DE TIRAR ESSE HOMEM DA RUA E DAR UM EMPREGO A ELE.TA AI PREFEITO A CHANCE DE VC MOSTRAR SERVIÇO E GENEROSIDADE,TA NA HORA .
 
LUCILENE LRS em 11/08/2013 14:59:52
É UMA PENA VER UM SER HUMANO TER QUE PASSAR POR ISSO, SÓ ACHO QUE ELE PODERIA TER IDO PARA ALGUM DOS INÚMEROS PRÉDIOS "PÚBLICOS" QUE ESTÃO ABANDONADOS NA CIDADE, SABE AQUELAS OBRAS FANTASMAS ? ENTÃO... AO MENOS NÃO FICARIA AO RELENTO.. Cade OS PROGRAMAS DO GOVERNO PARA AJUDAR ESTE FILHO DE DEUS ? SEI COM CERTEZA QUE ALGUM EMPRESÁRIO DE CAMPO GRANDE IRÁ SENSIBILIZAR-SE POR ESTA VIDA E AJUDAR, SEI QUE DEUS NÃO ESTÁ INDIFERENTE A ESTE SOFRIMENTO, MAS QUE ELE PERMITE PARA QUE VEJAMOS O QTO SOMOS DESUMANOS NA PARTILHA..
 
LINA MAFFEI em 11/08/2013 14:04:17
Este é um caso para a Secretaria Municipal de Assistência Social resolver, cade a secretária de ass. social de campo grande? e por falar nisso como é o nome dela mesmo?????
 
Marcos Wild em 11/08/2013 12:57:16
O projeto minha casa e outros quando o lula fez disse: que era para pobre, vc vai la fazer uma inscrição, ai vc descobre que tem que ganhar não sei quanto,tem que ter nome limpo, mas nao sei o que, mais isso mais aquilo, hoje uma pessoa que ganha um salario que tem que pagar um aluguel de 300,00 mais agua e luz ,gas e comida ja não da o salario,e o resto roupa ,educação e outras coisas básicas,esta casas tem que se dada aos pobres de verdade nao aos vereadores da para compra de votos , eu conheço
6 de uma família que ja morava cada um deles em suas casa ganhada
, ganharam mais uma casa cada um deles em outro conjunto através de politica. Se um pobre tem condições de pagar um aluguel desse de 350,00 reais como que ehma e agab fala que não tem condições de ter uma casa desse porque tem o nome sujo.
 
EDUARDO BRANDAO em 11/08/2013 12:15:55
Imaginem se todas as pessoas que estivessem na mesma situação desse cidadão fossem morar em canteiros da cidade, não quero aqui julgar quem está certo ou errado, apenas digo que em Campo Grande só fica desempregado quem escolhe emprego, duvido que fique sem trabalho se ele pegar uma enxada e estiver disposto a limpar terreno...não faltaria trabalho e pessoas dispostas a ajudar, temos que parar de culpar o poder público por todas nossas mazelas, e buscar nosso próprio caminho!
 
Fernando leite peralta em 11/08/2013 12:14:24
Mostra tua cara
Quero ver quem paga
Pra gente ficar assim
Brasil!
Qual é o teu negócio?
O nome do teu sócio?
Confia em mim...

Não me convidaram
Pra essa festa pobre
Que os homens armaram
Pra me convencer
A pagar sem ver
Toda essa droga
Que já vem malhada
Antes de eu nascer...

Não me sortearam
A garota do Fantástico
Não me subornaram
Será que é o meu fim?
Ver TV a cores
Na taba de um índio
Programada
Prá só dizer "sim, sim"

Brasi........
 
paulo veloso em 11/08/2013 12:12:00
É UMA POUCA VERGONHA AS AUTORIDADES DEIXAR HUM SER HUMANO NESSAS CONDIÇÕES, CADE A PREFEITURA , HEMA E OUTROS, QUE DIZEM QUE AJUDA MAS NÃO SE APRESENTA NAS HORAS QUE MAIS PRECISAMOS???
 
anderson de melo em 11/08/2013 11:20:51
Jota Vieira, você disse tudo. Poder Público competente, solucionem o caso! Vocês recebem para isso! Esse senhor está pedindo SOCORRO. Quer trabalhar, não quer mendigar ou cometer delitos. Acredito que alguém de bem ajudará esse ser humano, fornecendo as ferramentas (trabalho) para que possa viver dignamente.
 
JOAO ANDRE em 11/08/2013 11:18:26
Esse é o retrato do Brasil com ele é!
Programa Minha Casa Minha Vida?
Direitos humanos, dos defensores da dignidade humana? Cadê a aplicação da Constituição Cidadão? Cadê?
 
Dailde/Lisboa-PT em 11/08/2013 10:53:45
Penso eu, que o povo não precisa de esmola, o povo precisa de emprego, o povo precisa trabalhar para poder se manter, todos querem dignidade, o que o governo PT fez com estes programas sociais, (todos), foi a maneira mais escrota de se comprar votos, de trabalho ao povo para que não precisem se humilhar, o povo quer trabalho, saúde, escola, segurança pública, moradia, e isto porque temos de direito, ou será que os impostos que pagamos ainda é pouco e esta faltando dinheiro?
 
ruy da costa rodrigues em 11/08/2013 10:49:22
Concordo com o J Vieira. Onde estão os direitos humanos!?!? Na hora de defender traficantes e assassinos e todo tipo de prisioneiros estão de plantao nas cadeias e penitenciarias.
 
fabio lopes em 11/08/2013 10:48:25
o grande ganhador disso tudo não é nem o construtor terrenos são hiper caros muito valorizado preço impostos especulações qualquer terreno nao sai por menos de 70.000 imagina em esquina que a que construtores usam na media de 100.000 em bairros afastados do centro antes a uns 5 anos atraz valiam média de 10.000 à 15.000 hoje 100.000 mão de obra, ajudante pedreiro 400 na semana pedreiro 600,00, mestre de obra, arquiteto impostos abites e tudo mais demora na legalização na casa prefeitura material de construção e o financiamento hj blz o governo financia a longo prazo que vai te comendo pelos cantos, compra-se uma casa no final paga-se 3 casas e quem é o pobre consegue comprar um terreninho fazer uma casinha ganhando um dois salários se nao tiver de herança é díficil a habitação popular cad
 
claudio rodrigues em 11/08/2013 10:47:17
Jota Vieira, PARABÉNS pelo seu comentário, faço minhas suas palavras.
 
Evaldo Lino Leite em 11/08/2013 10:38:56
Esse é o retrato do Brasil real, não aquele das propagandas oficiais. Cadê a dignidade do cidadão? Cadê a aplicação dos recordes de arrecadação dos governos Federal, Estadual e Municipal? Cadê o Programa Minha Casa Minha Vida? Esse programa é um caso à parte, pois, poucos ganham construindo casas com material de 3ª qualidade, dividindo terrenos e vendendo para os interessados casas de R$ 50.000,00 por R$ 100.000,00, e ainda o comprador financiando pelo "Minha Casa Minha Vida" e pagando 06 casas por uma que comprou, pois comprou pelo dobro do preço - do vendedor-aproveitador - e mais o juro da CEF. Cadê os paladinos dos direitos humanos, dos defensores da dignidade humana? Cadê a aplicação da Constituição Cidadã? Cadê? Cadê? Cadê?
 
Jota Vieira em 11/08/2013 10:18:13
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions