A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 19 de Julho de 2018

25/09/2008 15:36

Doença pulmonar sem cura mata mais rápido que câncer

Redação

Uma doença ainda pouco conhecida, sem cura e que pode matar em dois anos, a hipertensão arterial pulmonar, será tema de uma palestra hoje na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul às 19h. O objetivo é divulgar como a doença se manifesta, a fim de  evitar diagnósticos errados, já que é rara, e desconhecida por muitos médicos.

A doença ataca as veias e artérias do pulmão diminuindo o fluxo de sangue para o órgão, o que causa muita fadiga e pode levar à morte mais rapidamente do que um câncer de mana, por exemplo. A maior incidência é entre as mulheres de trinta a quarenta anos de idade, mas pode atingir os homens também.  

A hipertensão pulmonar muitas vezes é confundida com bronquite ou asma. De acordo com a cardiologista, Cyanna Ravetti, uns dos sintomas mais comuns da doença são: constante fadiga, inchaço das pernas, palpitação no peito e lábios azulados.

Apagão causado por defeito afetou 37 mil unidades consumidoras em MS
O apagão que afetou Mato Grosso do Sul nessa quarta-feira (19) afetou 37 mil clientes em oito municípios: Mundo Novo, Japorã, Eldorado, Itaquiraí, Ig...
ANS recebe sugestões para revisão de lista de procedimentos em saúde
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) recebe, a partir de hoje (19), contribuições da sociedade para a elaboração de uma resolução normativa ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions