A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Dezembro de 2018

07/12/2018 11:17

Campo Grande tem a terceira maior queda de preços entre as capitais

Energia elétrica e combustível colaboraram para deflação de -0,31% no mês de novembro

Aline dos Santos
Bandeira tarifária amarela foi mais amigável ao bolso em novembro.  (Foto: Marcelo  Camargo/Agência Brasil)Bandeira tarifária amarela foi mais "amigável" ao bolso em novembro. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Campo Grande registrou em novembro a terceira maior deflação, queda de preços, entre as capitais brasileiras: -0,31%. Nesta sexta-feira (dia 7), o IBGE divulgou o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo). O ranking da deflação é liderado por Brasília (-0,43) e Porto Alegre (-0,42). Campo Grande está em terceiro, empatada com Aracaju e Salvador.

Na Capital de Mato Grosso do Sul, a energia elétrica e combustível colaboraram para a queda de preços. Em novembro, a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) adotou a bandeira tarifária amarela. Desta forma, houve redução na cobrança em relação aos cinco meses anteriores, quando a bandeira foi vermelha.

Conforme o IBGE, em outubro, a cobrança adicional era de R$0,05 por kwh consumido.
O preço médio da gasolina teve redução no Estado durante o mês de novembro. A inflação acumulada no ano é de 2,91% em Campo Grande.

No Brasil - O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo de novembro apresentou variação de -0,21% no Brasil, enquanto em outubro a taxa foi de 0,45%. Este resultado foi o menor desde junho de 2017, quando o IPCA ficou em -0,23%. Para um mês de novembro, foi a menor taxa desde a implantação do Plano Real, em 1994.

O IPCA é calculado pelo IBGE desde 1980, se refere às famílias com rendimento monetário de 1 a 40 salários mínimos, qualquer que seja a fonte, e abrange dez regiões metropolitanas do país, além dos municípios de Goiânia, Campo Grande, Rio Branco, São Luís, Aracaju e de Brasília.

Para o cálculo do índice do mês foram comparados os preços coletados no período de 27 de outubro a 28 de novembro de 2018 (referência) com os preços vigentes no período de 28 de setembro a 26 de outubro de 2018 (base).

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions