A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


20/10/2015 06:00

Tapa buraco começou pela rua da casa de Bernal

Edivaldo Bitencourt

Coincidência terrível – Após dois meses, a Prefeitura Municipal de Campo Grande retomou a operação tapa buracos pela Rua Antônio Maria Coelho. Com a cidade tomada por crateras, qualquer lugar é prioridade. No entanto, a retomada começou pela rua onde reside o prefeito Alcides Bernal (PP).

Justificativa – O prefeito afirmou que não houve prioridade na retomada da operação tapa buracos. Ele justificou que a equipe começou a trabalhar nas vias com maior tráfego, entre as quais, estaria a Antônio Maria Coelho.

Discordância – Ao voltar ao cargo, Bernal não discorda apena dos números milionários da Solurb. Ele também não concordou com o número de marmitas fornecidas aos funcionários da Secretaria de Infraestrutura. O impasse deixou os funcionários da pasta sem almoço. E eles decidiram encurtar a jornada para compensar a falta de marmita.

Solução – Bernal se comprometeu em resolver o problema da falta de alimentação na Secretaria de Obras. Os funcionários devem voltar a receber almoço e acabar com a jornada de trabalho menor ainda nesta semana.

Com candidato – O prefeito Alcides Bernal sinalizou que pode não disputar a reeleição em 2016. Contudo, ele já antecipou que o PP terá candidato próprio a sua sucessão. Como brigou com Gilmar Olarte, que deve deixar a sigla, ele é o único nome forte para disputar as eleições municipais.

E o delegado – O delegado Valmir Moura Fé até se filiou ao PDT na esperança de ser nomeado para o cargo de chefe de gabinete de Bernal. No entanto, a nomeação não ocorreu. A prefeitura nomeou o ex-secretário de Meio Ambiente, Odimar Marcon, para assumir o cargo o comando do gabinete de Bernal.

Na rua – O rompimento da Prefeitura de Campo Grande com a Itel Informática, do empresário João Baird, o Bill Gates Pantaneiro, deixou 52 trabalhadores sem emprego. Eles não foram recontratados pelo município. Dos 92, só 40 vão continuar trabalhando para o município.

Fúria – O vereador Paulo Siufi (PMDB) antecipou-se a denúncia de receber sem trabalhar e fez duras críticas ao Ministério Público na semana passada.Ele foi acusado de cumprir menos de 20% da jornada de trabalho no posto de saúde. O peemedebista anda furioso com os promotores de Justiça.

Sonho meu – O vereador Ademar Vieira Júnior, o Coringa (PSD), sonha alto. Ele está de olho na vaga de Elizeu Dionízio (PSDB), que assumiu a vaga de Márcio Monteiro, e trocou de partido recentemente. O vereador busca uma brecha jurídica para tirar Dionízio do cargo.

Prazo – Amanhã termina o prazo dos interessados em disputar a eleição da OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil, seccional de Mato Grosso do Sul). Até o momento, a sucessão de Júlio Cesar Rodrigues tem três concorrentes: Mansour Karmouche, Afeife Hajj e Jully Heyder da Cunha Souza.

(colaboraram Antonio Marques, Ricardo Campos Jr. e Thiago de Souza)

A missão espinhosa de Marun
Casa cheia - No discurso em que saudou Carlos Marun como seu novo ministro da Secretaria de Governo, Michel Temer disse ter ficado preocupado com a p...
Só praças estão presos por cobrar propina
Só praças – A investigação sobre o envolvimento de policiais militares com a “Máfia do Cigarro” indica que, por ora, não há oficiais entre os policia...
Pezão pede dica a Reinaldo sobre dívida
Pedido de ajuda - Ao anunciar ontem o depósito do décimo-terceiro salário dos servidores, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) reforçou o discurso d...
Após "perder" cargo, deputado muda o tom
Mudou – Antes cotado para assumir uma secretaria do governo do Estado, o deputado Coronel David (PSC) está agindo ultimamente como oposição ao Govern...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions