A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

08/09/2016 13:20

Com filho na vice, Elizeu prega defesa da família e quer priorizar educação

Aline dos Santos
Elizeu é candidato a prefeito e participou hoje de entrevista ao Campo Grande News. (Foto: Samuel Isidoro)Elizeu é candidato a prefeito e participou hoje de entrevista ao Campo Grande News. (Foto: Samuel Isidoro)

Com proposta de defesa da família e tendo um dos filhos candidato a vice, Elizeu Amarilha (PSDC) parte para a quarta disputa eleitoral, questiona a morosidade da Justiça – que há menos de um mês do pleito ainda avalia seu pedido de candidatura – e promete prioridade para a educação.

“Quando falo de família, falo com condições de afirmar que o artigo 229 da Constituição brasileira, colocado pelo PSDC, versa o seguinte: todos os pais tem obrigação e dever para com seus filhos menores na educação, alimentação, saúde, lazer. Assim como todos filhos maiores têm obrigação e dever para com seus pais na velhice, na enfermidade ou eventual necessidade. Isso não tem resultado em voto, mas tem resultado em grande satisfação”, afirma Elizeu. Ele conta que visitou todas as capitais brasileiras para ser candidato a prefeito.

Saúde – O candidato afirma que vai repassar à saúde todos os recursos previstos em lei e promete ampliar o quadro de pediatras na rede pública. “Contratação de mais médicos na área de atendimento pediátrico porque a criança é que mais sofre nesse processo. É desumano ver as crianças sem o atendimento básico, por isso eu defendo que os postos de saúde têm que ter pediatra 24 horas, intercalando plantões com mais contratação de médicos”.

Educação – “Não valorizar a educação é a mesma coisa de sepultar o empenho dos professores e tirar a esperança. País nenhum se desenvolve dessa forma. Como vamos melhorar nosso padrão de qualidade se nós não investirmos em educação? Vamos dar prioridade é o mais importante setor hoje”, afirma o candidato.

Segurança e Câmara – Elizeu é favorável ao fornecimento de armas para os guardas municipais, mas aponta que é necessário fazer treinamento para atuação na cidade. Caso eleito, o candidato afirma que terá relação constitucional com a Câmara Municipal.

“Os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário têm que ser respeitados de uma forma que cada um não venha a interferir no desempenho do outro, foi o que levou a essa situação de judicialização da política em Campo Grande”, avalia.

Campanha - Ellizeu Amarilha, 30 anos, é casado e tem três filhos. Ele tem formação técnica em contabilidade e técnico em prótese dentária. Presidente há 14 anos do PSDC, foi candidato a deputado estadual, vereador e governador.

Neste processo eleitoral, aponta que as mudanças trouxeram mais dificuldades. “Além de a campanha ter sido reduzida 50% do tempo, você tem ainda a intempérie de a Justiça Eleitoral protelar deferimento das candidaturas. Você cumpre o ritual tudinho e fica nas mãos dos juízes. Como você vai pular do caminhão e sair correndo da rua para fazer propaganda? Você fica com a mão amarrada, como vou fazer santinho, procurar doações se não sou nem candidato ainda?”, questiona. O pedido de candidatura dele ainda aguarda julgamento.

O Campo Grande News promove rodada de entrevistas com os postulantes ao cargo de chefe do Paço Municipal.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions