A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

18/02/2014 18:51

Promotor investiga vereador e mais quatro médicos por faltar ao serviço

Zana Zaidan
Alvo de sindicância da prefeitura, vereador Paulo Siufi é um dos investigados pelo MPE (Foto: Arquivo)Alvo de sindicância da prefeitura, vereador Paulo Siufi é um dos investigados pelo MPE (Foto: Arquivo)

O Ministério Público Estadual instaurou hoje (18) inquérito civil para apurar faltas injustificadas de cinco médicos da Prefeitura Municipal de Campo Grande, entre eles o vereador Paulo Siufi (PMDB), na UBS (Unidade Básica de Saúde) Aguão, distrito a 40 quilômetros da Capital. O procedimento é do promotor Alexandre Pinto Capiberibe Saldanha, da 30ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social.

A investigação teve início com o médico e vereador Paulo Siufi (PMDB), alvo de uma sindicância da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) sobre o cumprimento da carga horária antes de obter licença para assumir o cargo no Legislativo. O trabalho concluiu que nos cinco anos em que esteve lotado na UBS Aguão, distrito a 40 quilômetros da Capital, Siufi cumpriu 13,34% da jornada de trabalho, e que ele atendia os pacientes uma vez na semana. Foram 1024 horas de serviço, enquanto deveria ter atuado por 7680 horas, já que o contrato era de 20 horas semanais.

Na época, o vereador justificou que assim como ele, todos os servidores do distrito trabalhavam uma vez por semana - cumprindo “escala de trabalho fixada por superiores”, citando, inclusive, a própria Sesau como responsável pela regulamentação da atividade.

Pente-fino – A declaração motivou o pente-fino do MPE, que além de Siufi, investiga os outros quatro médicos. O promotor solicitou à PGM (Procuradoria Geral do Município), e ao chefe da Sesau, Ivandro Fonseca, que enviasse cópia de todas as sindicâncias em trâmite na pasta (80 delas por faltas injustificadas) e a relação de servidores lotados em Aguão nos últimos cinco anos. Além da suposta atuação como “fantasmas”, os processos administrativos da prefeitura apuram desde “condutas agressivas” até “abandono de plantão”.

O promotor investiga irregularidades nos postos de saúde do município desde 16 de agosto do ano passado, nove dias após a abertura da sindicância contra Siufi. Foi aberto procedimento preparatório, e o prazo para conclusão, prorrogado duas vezes por 90 dias, venceu e, por isso, foi convertido em inquérito civil.

Demissão – Encerrada pela Sesau, a sindicância contra Siufi foi encaminhada para a PGM, recomendando abertura de processo administrativo disciplinar que poderia levar à demissão do servidor.

A defesa do parlamentar, que consta nos autos da investigação do MPE, alega que a instauração “ocorreu com claro desvio de finalidade, unicamente para punir o servidor por ser presidente da CPI do Calote e descobrir uma série de irregularidades que podem resultar na cassação do prefeito municipal”.

“Reafirmo que houve alguma motivação por parte da prefeitura. Cumpri a mesma escala de trabalho que os outros médicos de Aguão, que nunca foi questionada. O secretário de Saúde é quem deve explicar o porquê de abrir uma sindicância”, disse Siufi ao Campo Grande News.

De 80 sindicâncias por falta e abandono de plantão, prefeitura conclui 10
De janeiro até está terça-feira (17), a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) abriu pelo menos 80 sindicâncias para apurar descumprimento da carga ho...
Brinquedos feitos por detentos são doados para crianças em escola
Parceria feita entre a a Semed (Secretaria Municipal de Educação) e a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) garantiu ne...


Absurdo. Conheço o Dr Paulo de consultório e vida pública. Jamais fez algo que o desabonasse. São muitos anos de trabalho para serem jogados assim. Perguntem no aguão, em rochedo, na região... muito querido por todos e sempre atendendo.
 
Douglas Silva em 20/02/2014 08:56:42
Que bom que a Justiça entrou no caso, pois um home com o nome a integridade do médico Paulo Siufi não precisa disso para ganhar dinheiro. Paulo Siufi é um homem sério e médico competente. Estamos juntos médico família vamos calar a boca desse povo que só sabe falar.
 
Guilherme Lima em 19/02/2014 18:38:38
Esse moço tem tradição. Os amigos não estão mais no poder, por isso a coisa tá difícil. Quem não te conhece que te compra.
 
João Pedro em 19/02/2014 11:50:18
Tem é que devolver o que foi recebido indevidamente com urgência
 
carlos magno em 19/02/2014 11:02:24
não vai da em nadaaaaaaaaa termina em pizzaaaaaa
 
vanda alves em 19/02/2014 10:36:30
A grande preocupação do senhor Paulo Siufi como vereador, até hoje, foi contra a "imoralidade" dos outdoors de Campo Grande que continham mulheres posando para fotografia com peças íntimas. Isso mesmo: calcinha e sutiã para o ilustre médico são pornografia. Mais pornográfico que deixar crianças e idosos morrendo nos postos de saúde, garanto que não é. Mais pornográfico que receber dinheiro público sem trabalhar, também não é. Outra coisa: este senhor será candidato a deputado estadual, provavelmente para propor lei coibindo em todo Mato Grosso do Sul propagandas com mulheres que mostrem a barriga e as pernas. Como cabeça do povo e fralda de criança sempre têm surpresas, depois de eleger o Bernal prefeito de Campo Grande não dá para prever mais nada, inclusive esse senhor ser eleito.
 
Paula Saldanha em 19/02/2014 10:15:24
KKKKKKKKKKKKKKK Quem tem telhado de vidro não pode tacar pedra no vizinho, imagina que o vereador entregou os próprios parentes , dizendo que cumpria ordem dos seus superiores. QUEM ÉRA OS SEUS SUPERIORES ...??????
 
paulo guimaraes dias em 19/02/2014 09:52:33
AMELIA ALVES;MUITO BOM SEU COMENTARIO;ESSES SOBRENOMES CONHECIDOS EM CIDADE DE INTERIOR;COMO CAMPO GRANDE;AQUI EM CORUMBA TAMBEM;INFELIZMENTE ACABAM EM PIZZA;COM TORTA NA CARA DO POVO QUE NAO TEM COMO PAGAR MEDICO PARTICULAR E TUDO ISSO ACABA COM UMA LIMONADA SEM ACUÇAR PARA O POBRE SE FERRAR.
 
rejani rilke em 19/02/2014 09:46:06
O que adianta falar desses vereadores ? Se a politica fosse hoje, todos eles seriam releitos , os eleitores da capital gostam desse povo sujo ? rs
 
londres cavalheiro em 19/02/2014 09:45:35
Esse senhor deve devolver todo dinheiro que recebeu pelos serviços não prestados, além de perder o cargo de vereador por falta de ética moral, inclusive a cassação do diploma médico..Se fosse honesto, receberia apenas o pagamento pelas horas trabalhadas, independente da autorização superior como alega em sua defesa.
 
José Roberto Venturoso em 19/02/2014 09:37:52
O vereador que está acima de todas as coisas, defensor da moral e bons costumes, o médico da família????
 
ricardo rodrigues em 19/02/2014 09:06:11
Esse secretário está perdido, o posto de saúde do meu bairro faltando TUDO inclusive medicamentos e ele gastando energia com briga politica. a população cansou dessa briga queremos saúde educação e asfalto senhor prefeito!!
 
Marcelo Carvalho em 19/02/2014 09:06:04
A mais esses camaradas ai já estão acostumados a isso faz muito tempo, isso já vem de berço.
 
jose carlos em 19/02/2014 08:45:41
Vcs, já perceberam que qualquer tipo de acusação e verdade que atinja esses vereadoreszinho de meia tigela, eles usam o nome do prefeito para se defender , dizendo que é perseguição da prefeitura. ESSES médicos Paulo Siufi, aquele safado do Hospital do cancer que é parente do mesmo, que também é parente do mandetta que por vez é parente dos Trads QUE se casam politicamente e vão montando uma rede de esquemas, que até a justiça fica envolvida. NOsso ESTADO , esta com o pomar contaminado por frutos podres, precisamos fazer um grande tratamento desde a raiz até aos frutos, ATÉ CONCURSOS PÚBLICOS são de base fraudulentos e povo fica a merce. EU ESPERO PROFUNDAMENTE QUE NESTAS ELEIÇÕES ARRANCAREMOS O MAXIMO DE FRUTO PODRE DO PODER, NEM QUE FAÇAMOS ISSO DE 4 EM 4 ANOS, SEM REELEIÇÕES.
 
Amelia Alves em 19/02/2014 08:18:28
isto não vai dar em nada, acaba em pizza.
 
Antonio Juares em 19/02/2014 07:58:47
no posto de saúde da nossa senhora das graças e vila nasser não se consegue marcar consulta, muito menos pra dentista, a cada dia que passa a saúde na capital fica pior.
 
Julio Cabral em 19/02/2014 07:17:16
conheço Paulo Siuf de muitos anos ,no qual trabalhamos no mesmo órgão, nunca vi nada que desabone sua conduta, sempre responsável,dedicado a sua profissão
amoroso, principalmente,com as crianças.
 
Hélio guedes de souza em 19/02/2014 06:47:13
ja ate sei o fim disso tudo.
nao vai dar em nada.
 
Sérgio Marques de Alencar em 19/02/2014 01:15:11
Sr. Promotor o senhor tem que investigar o pagamento dos plantões da ubs em anhandui pois se trabalha 6 horas e ganham como 12 horas .
farra com dinheiro do povo.
 
HERALDO DA SILVA em 18/02/2014 20:09:12
Parabéns promotor! A sociedade agradece grandemente sua atitude. O povo está cansado de tanta safadeza!
 
Mariana Silva em 18/02/2014 19:07:56
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions