A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

02/10/2013 18:41

Sindicato denuncia que bancos reduzem limite de saque para não faltar dinheiro

Lidiane Kober

Com base em depoimentos de funcionários e da população, o Sindicato dos Bancários de Campo Grande denuncia que bancos reduziram o limite de saque diário como estratégia para evitar a falta de dinheiro nos caixas eletrônicos. A greve da categoria entrou na terceira semana e, diante da redução de circulação das notas e da falta de funcionários, a tendência é acabar o dinheiro nos caixas.

“Estão chegando informações de que os bancos estão mexendo nos limites de saque, mas não temos nada oficial”, comentou a secretária-geral do sindicato, Iaci Azamor Torres. Segundo ela, a adesão à paralisação aumentou nesta semana de 88 para 96 unidades, em Campo Grande.

“Das 100 agências da Capital, 86 estão em greve e mais 10 departamentos internos aderiram ao movimento”, detalhou. Para ela, o aumento é resultado da insatisfação da categoria. “Estamos parados há 14 dias e até agora ninguém nos procurou para discutir, no mínimo estão de brincadeira com a população e com a gente. É muita falta de respeito”, avaliou Iaci.

Segundo ela, amanhã (3), o comando nacional da greve irá se reunir em São Paulo para definir estratégias da paralisação. A categoria pede reajuste de 11,93%, o que representa aumento real de 5% acima da inflação. Outra reivindicação é o fim das demissões, das metas abusivas e da terceirização. O mês de setembro era a data-base para negociação salarial dos bancários.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions