04/04/2013 08:34

Indígena é espancada e acorrentada por marido e filho na aldeia Bororó

Luciana Brazil

Uma indígena de 69 anos foi espancada e acorrentada pelo marido e pelo filho, ontem, na Aldeia Bororó, na reserva indígena de Dourados.

Os agressores foram autuados em flagrante por lesão corporal e enquadrados na Lei Maria da Penha. Segundo o site Dourados Agora, o marido, de 45 anos, e o filho da indígena de 48 anos, fruto de um casamento anterior, atacaram a mulher com socos e pontapés.

A vítima foi acorrentada e espancada. As agressões tiveram início após uma discussão. Os três estavam juntos consumindo bebida alcoólica.

A vítima foi socorrida por agentes da Força Nacional e encaminhada ao Hospital da Vida. Os agressores foram detidos em flagrante. O delegado não arbitrou fiança diante das graves lesões sofridas pela vítima.

Homem esfaqueia a própria filha que denunciou ter sido estuprada por ele
Um homem, de 47 anos, é suspeito de ter esfaqueado a própria filha, de 18 anos, na aldeia Limão Verde, em Amambai, a cerca de 360 quilômetros de Camp...
Jovem é presa após estrangular o filho de apenas 3 anos
Uma jovem, de 20 anos, foi presa nesta terça-feira (22) depois de tentar matar estrangulado com um fio o filho, de apenas 3 anos, em Coxim, cidade a ...
imagem transparente