A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 22 de Outubro de 2018


01/07/2018 12:08

Quarta substituição, um momento histórico da Copa do Mundo na Rússia

Aos 6 minutos do primeiro tempo da prorrogação, saiu Kuzyaev e entrou Erokhin, a quarta mexida no time da Rússia

De Samara, Paulo Nonato de Souza
Coube ao técnico russo, Stanislav Cherchesov, inaugurar a novidade da Fifa com a quarta substituição em Copa do Mundo (Foto: Divulgação)Coube ao técnico russo, Stanislav Cherchesov, inaugurar a novidade da Fifa com a quarta substituição em Copa do Mundo (Foto: Divulgação)

O jogo entre Espanha e Rússia, no Estádio Luzhniki, em Moscou, pelas oitavas de final da Copa do Mundo de 2018, proporcionou um momento que ficará para sempre na história de todas as Copas: a quarta substituição, uma novidade aprovada pelo conselho da Fifa em março deste ano em Bogotá, na Colômbia.

Aos 6 minutos do primeiro tempo da prorrogação, o treinador da Rússia, Stanislav Cherchesov, que já havia feito as três tradicionais mudanças no tempo normal, fez a sua quarta alteração na equipe russa. Saiu Kuzyaev e entrou Erokhin.

Pela decisão do conselho da Fifa, implantada a partir da Copa do Mundo na Rússia, a quarta substituição só está autorizada em jogos que tiverem a necessidade de prorrogação. O confronto entre russos e espanhóis foi o primeiro das oitavas de final nesta Copa a ir para a prorrogação após empate de 1 a 1 no tempo normal.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.