22/04/2012 13:30

Após tentativa de homicídio, jovens são presos com arsenal de armas

Viviane Oliveira

Três pessoas foram presas, entre eles um adolescente de 17 anos

Foram apreendidos um revólver 38, uma espingarda calibre 12, um simulacro de arma de fogo, um colete balístico, munições de pistola 9 mm, ponto 40, calibre 12, e fuzis, além de diversos potes de pólvora. (Foto: divulgação PM)Foram apreendidos um revólver 38, uma espingarda calibre 12, um simulacro de arma de fogo, um colete balístico, munições de pistola 9 mm, ponto 40, calibre 12, e fuzis, além de diversos potes de pólvora. (Foto: divulgação PM)

Com um arsenal de armas, três homens, entre eles um adolescente de 17 anos, foram presos em flagrante pela Polícia Militar na madrugada deste domingo (22), após uma tentativa de homicídio contra um segurança de uma festa no Rádio Clube Campo, em Campo Grande.

Os três jovens estavam em uma festa no Rádio, quando por volta das 4 horas se envolveram em uma confusão. Eles foram retirados do local por homens que faziam a segurança do clube.

Depois de uma hora eles retornaram para a festa armados e disparam três tiros contra o segurança Julio Cesar dos Santos Aguiar, de 31 anos. Ele foi atingido por um tiro na perna.

A Polícia Militar foi acionada e no local uma das testemunhas informou o endereço dos envolvidos na tentativa de homicídio.

O autor dos disparos Luiz Felipe do Nascimento, 21 anos, e os irmãos Gilberto Santos Souza, de 19 anos e um adolescente de 17 anos, foram presos na rua Engenheiro Américo Carvalho Baís, no bairro Santo Amaro.

Em revista na casa a Polícia encontrou um revólver 38, uma espingarda calibre 12, um simulacro de arma de fogo, um colete balístico, munições de pistola 9 mm, ponto 40, calibre 12, e fuzis, além de diversos potes de pólvora.

O proprietário da casa, Gilson pai de Gilberto e do adolescente disse que desconhecia as armas encontradas em sua residência. Os quatro foram encaminhados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do bairro Piratininga.

Os três jovens serão indiciados por homicídio doloso na forma tentada, posse irregular de arma de fogo de uso permitido, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e por comércio de detenção de armas ou munição.


imagem transparente