29/01/2013 10:40

Ação contra dengue leva 15 vereadores ao Jardim Tijuca

Carlos Martins e Luciana Brazil
Presidente da Câmara, Mário César, ajuda a recolher lixo no Jardim Tijuca (Foto: Luciano Muta)Presidente da Câmara, Mário César, ajuda a recolher lixo no Jardim Tijuca (Foto: Luciano Muta)

Quinze vereadores participaram nesta terça-feira de um mutirão no Jardim Tijuca, em Campo Grande, para orientar os moradores no combate à dengue. Foi a segunda vez que os parlamentares municipais fizeram esse trabalho ao lado de técnicos do CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) da prefeitura. A ação, intitulada “Câmara Ativa – Todos juntos por você”, teve início no dia 19 quando os vereadores percorreram as ruas do bairro Noroeste e ajudaram a recolher uma tonelada de lixo.

O ponto de encontro foi na rua Dantas Barreto. O presidente da Câmara, vereador Mário César (PMDB) disse que cada um dos moradores tem responsabilidades. “Não adianta apenas uma pessoa fazer sua parte. Todo mundo tem que colaborar e a intenção da ação é impactar nas pessoas essa conscientização”, disse o presidente.

Nos locais visitados, os vereadores ajudam os moradores e recolher objetos como sacos plásticos, latas, garrafas, pneus, que podem servir de criadouro para o mosquito Aedes Aegypti, o transmissor da dengue. Os parlamentares visitam as casas, conversam com os moradores e entregam material informativo sobre a doença.

Na área visitada pelo vereador Flávio Cezar (PT do B), ele conversou com um morador cuja casa fica em uma esquina, que apesar do meio fio, o acúmulo de água é constante, formando um lodo. O vereador disse que identificou dois problemas no local. “Em primeiro lugar, tem gente que está despejando água servida na rua. Outro problema é o desnível do asfalto e não tem galeria pluvial. Isso, inclusive tem danificado o asfalto e contribuido para a proliferação do mosquito”, apontou o vereador.

Mecânico Samuel Moura reclama que em frente a sua casa tem um terreno baldio (Foto: Luciano Muta)Mecânico Samuel Moura reclama que em frente a sua casa tem um terreno baldio (Foto: Luciano Muta)
Vereador Flávio Cezar: moradores jogam água servida na rua, que não tem galeria pluvial (Foto: Luciano Muta)Vereador Flávio Cezar: moradores jogam água servida na rua, que não tem galeria pluvial (Foto: Luciano Muta)

Sal grosso - O dono da casa de esquina é o mecânico de manutenção Samuel Moura, 32 anos. Ele disse que mora na casa com a família – esposa e duas filhas pequenas – há oito meses. “Não tem como não ficar com medo da dengue. Estamos jogando sal grosso na poça de água para evitar o mosquito”, disse o mecânico. Ele contou que em frente onde mora tem um terreno baldio que não é cercado e que já teve discussões com o dono do terreno, que não mora no bairro. “Estes dias chegou uma camionete cheia de entulho para descarregar no local. Disse para o motorista que ele não podia fazer isso. Como ele insistia, chamei a polícia, mas antes que ela chegasse o cara acabou indo embora”.

Durante as ações, os vereadores se dividem em grupos que incluem funcionários dos gabinetes. O vereador Cazuza (PP) disse que, graças à intensa campanha desencadeada pelo Poder Público, os casos de dengue já estão em declínio. “É muito importante que a Casa de Leis também participe. Se não houver união não tem como vencer a doença”, disse o vereador, que destacou a importância da participação da população. “Ela tem a responsabilidade de vistoriar o quintal de sua casa”.

Mais visitas- Na próxima semana os vereadores estarão novamente em ação. Estão programadas visitas na terça-feira no bairro Anhanduizinho e, na quinta-feira, no Imbirussu. Os locais não são escolhidos de maneira aleatória. Na última sexta-feira técnicos do CCZ se reuniram na Câmara com vereadores e indicaram os bairros que possuem maior índice de focos do mosquito da dengue. Os últimos números divulgados apontam 15 mil notificações de dengue, com 71 notificações confirmadas.

Participaram da visita os seguintes vereadores: Carla Stephanini (PMDB), Flávio Cesar (PT do B), Herculano Borges (PSC), Coringa (PSD), Zeca do PT, Mário Cesar (PMDB), Eduardo Romero (PT do B), Chiquinho Telles (PSD), Cazuza (PP), Otávio Trad (PT do B), Eliseu Dionísio (PSL), Luiza Ribeiro (PPS), Airton Saraiva (DEM), Carlão (PSB) e Gilmar da Cruz (PRB). O vereador Edson Shimabukuro (PTB) está de licença médica e enviou um representante.

imagem transparente