11/12/2018 16:27

PM nega tiro durante abordagem de estelionatários presos no Centro

Dupla tentava aplicar golpe quando funcionários perceberam que documento era falso

Gabriel Neris

A Polícia Militar informou que não foi efetuado nenhum disparo de arma de fogo durante a abordagem de um dos suspeitos de tentar praticar um golpe na tarde desta terça-feira (11) no Cartório Donini do 2º Ofício, localizado na Rua 15 de Novembro, região central de Campo Grande.

O suspeito fugiu a pé ao perceber a presença dos policiais e seguiu pela Rua Pedro Celestino até chegar a Avenida Afonso Pena, quando foi capturado próximo ao Burger King. Relatos apontaram que um dos PMs teria disparado para cima para intimidar o suspeito, o que foi negado pela PM.

A dupla de suspeitos estava no cartório em busca de procuração para venda de um imóvel localizado no Bairro Rita Vieira. No primeiro momento, um dos suspeitos assinou o sobrenome errado, o que gerou desconfiança. Já no 9º Ofício Zamperlini, perto da Praça das Araras, no Bairro Amambaí, os funcionários perceberam que a foto apresentada não batia com o documento do cartório.

Os mesmos funcionários justificaram que houve um problema e pediram para a dupla retificar a procuração novamente no 2º Ofício. Enquanto isso, a Polícia Militar foi acionada. A dupla retornou para o cartório do Centro, quando houve a perseguição de um deles e a prisão dos dois suspeitos.

Os dois presos foram encaminhados para a 2ª DP (Delegacia de Polícia), no Monte Castelo.

 

imagem transparente